Homem com uma broca

O que são materiais projetados?

Materiais projetados é um termo usado para descrever qualquer tipo de material que pode ser alterado de forma a impactar as propriedades da substância e facilitar a adaptação desse material para uso na fabricação de um produto específico. Há uma série de diferentes materiais projetados de uso comum, permitindo que os fabricantes criem tudo, desde materiais de construção até componentes de máquinas. A capacidade de manipular essas substâncias em algum nível geralmente significa a capacidade de fabricar produtos mais fortes, mais flexíveis e com alta probabilidade de desgaste com o tempo.

A gama de materiais projetados é muito ampla, abrangendo diferentes tipos de cerâmicas, polímeros, compósitos e ligas. Várias estratégias e processos diferentes podem ser usados ​​para manipular esses materiais em nível molecular, possibilitando efetivamente adaptá-los para aplicações que não eram possíveis no passado. O resultado final é a capacidade de criar uma ampla gama de produtos usando materiais muito diferentes das décadas anteriores.

O uso de materiais projetados não se limita a nenhuma indústria. Essa abordagem de adaptação de várias substâncias para a criação de diferentes bens é utilizada em diversas áreas, possibilitando a criação de bens mais fortes e duráveis, que vão desde utensílios domésticos a eletrodomésticos e até máquinas e componentes de computador. Um dos benefícios dessa capacidade de manipular as propriedades de certas substâncias é que os fabricantes geralmente podem produzir produtos de alta qualidade a um custo menor, o que, por sua vez, significa que eles podem oferecer esses produtos acabados a preços competitivos no mercado. Os consumidores podem então comprar produtos de qualidade por preços mais baixos, mesmo quando os fabricantes conseguem gerar mais lucro por unidade vendida.

Existem várias metodologias diferentes usadas na manipulação de materiais projetados. Muitos dos processos usados ​​hoje são possíveis graças à tecnologia de computador e à capacidade de monitorar e registrar os resultados durante o processo real. Isso, por sua vez, levou ao desenvolvimento de formas mais novas e eficazes de adaptar materiais projetados, como cerâmica e vários tipos de ligas, com um maior nível de precisão. Isso abriu caminho para o uso de materiais projetados em uma variedade crescente de ambientes de fabricação, o que, por sua vez, ajuda os fabricantes a atender às demandas dos consumidores por produtos duráveis, mais baratos e dentro de suas faixas de preço.

Go up